Resolver problemas com cron em Parallels Plesk 11

29/10/2012

em Como Fazer,Linha de comando,Painel de controle,Parallels Plesk

Na sequência da instalação de um painel de controlo Parallels Plesk 11 em CentOS 6.2 e após uma migração da versão Plesk 9.4 os serviços de cron deixaram de funcionar.

Na devolução de email’s, estava a ser recebido o erro:

-: /usr/bin/php: No such file or directory

Aparenta que este erro seja devido ao ‘chroot jail’ do utilizador e o binário do php não existe na mesma. Após verificação no Administrator’s Guide, em “Execution of Scripts via Cron Task Scheduler (Linux Hosting)”;

[quote]In previous versions of Plesk, the users who were granted the permission to schedule tasks with cron but were not allowed access to server shell, could still run scripts in the shell under which the cron was running. This allowed them to gain access to the data that could be potentially used to compromise the server. Starting from Parallels Plesk Panel 10.1, execution of cron tasks is automatically restricted to the chrooted shell environment.[/quote]

Para resolver o problema e de forma a funcionar como a versão de Plesk anterior, necessita de executar o seguinte comando (como ‘root’):

# /usr/local/psa/bin/server_pref -u -crontab-secure-shell "/bin/sh"

Após a mudança deste parâmetro, os ‘cron jobs’ devem funcionar normalmente.

Artigo anterior:

Próximo artigo: